O que é a revista
Revista Viver

Estatuto Editorial

VIVER - Vidas e Veredas da Raia

Caracterização e princípios:

A revista VIVER - Vidas e Veredas da Raia é uma publicação semestral, propriedade da ADRACES - Associação para o Desenvolvimento da Raia Centro Sul, para a informação, formação para o Desenvolvimento e promoção da qualidade e nível de vida das pessoas que habitam a sub-região em que estamos inseridos.

Em cada semestre é desenvolvido um tema central, complementado por conteúdos que abrangem os diferentes temas relacionados com os objetivos da publicação.

A "VIVER" é independente de quaisquer poderes políticos e/ou económicos, não estando ao serviço de qualquer orientação pública ou doutrinária.

É, antes, um espaço aberto às pessoas que se preocupam com o exercício da cidadania, da coesão social e da promoção do desenvolvimento local e rural.

A "VIVER" está aberta à colaboração e intervenção dos seus leitores, quer através de artigos de opinião, envio de documentos, estudos ou trabalhos dentro do seu objeto, ou através de sugestões sobre temas a tratar nas suas páginas.

A "VIVER" pretende contribuir de forma especializada e credível para a formação de uma opinião pública esclarecida e crítica em questões de desenvolvimento local em meio rural, condição indispensável para se conseguir uma realidade (rural) social e economicamente mais justa e integrada.

A "VIVER" aborda territorialmente as questões específicas da área de intervenção da ADRACES e, tematicamente, as relacionadas com o Desenvolvimento Local em espaços rurais, numa perspetiva nacional e europeia.

A “VIVER” tem circulação sistemática por entrega direta entre as populações da Beira Interior Sul e seletiva a nível nacional e europeu, por envio postal, sobretudo ao nível das Instituições públicas regionais, centrais e europeias.

A sua difusão internacional é assegurada online através do site da ADRACES.

Objetivos:

De incidência principal a nível regional - local:

  • divulgar e promover os concelhos de intervenção, sua identidade, história, património e cultura;
  • divulgar e promover iniciativas locais e rurais de sucesso que encorajem outras iniciativas;
  • destacar e divulgar vidas exemplares, terras, costumes e tradições;
  • promover e divulgar as produções locais, artesanato e turismo de qualidade;
  • assegurar a divulgação de entidades, coletividades e eventos regionais.


De incidência geral, nacional e internacional:

  • privilegiar a discussão dos possíveis "caminhos" e estratégias que o desenvolvimento local e rural pode adotar;
  • divulgar projetos inovadores, demonstrativos e transferíveis que revelem as novas vias e possibilidades do desenvolvimento local e rural;
  • divulgar e promover experiências internacionais adaptáveis às nossas realidades;
  • contribuir para a divulgação de trabalhos de investigadores nacionais e internacionais na área do desenvolvimento local e rural;
  • promover a reflexão especializada e alargada sobre as práticas de desenvolvimento local e rural;
  • contribuir para um maior conhecimento e compreensão mútua entre as diferentes culturas rurais da UE.

 

 

Estatuto Redatorial

Seleção de Conteúdos:

  • A seleção dos temas semestrais centrais é da exclusiva responsabilidade do Diretor, ouvido o Conselho Editorial
  • Os conteúdos de cada número e seu alinhamento são da responsabilidade do Editor Geral, com prévia aprovação do Conselho Editorial.

 

Artigos de opinião e trabalhos assinados:

São da responsabilidade dos respetivos autores; a sua publicação apenas envolve, por parte da revista, um juízo sobre o interesse informativo dos mesmos e se estão de acordo com o objeto da revista e tema definido, não significando necessariamente concordância com as opiniões neles expostas. Os sumários, notas marginais, anotações extra-texto e artigos não assinados são da responsabilidade do Diretor e Conselho Editorial.

  • A reprodução total ou parcial dos originais carece de prévia autorização do Diretor da revista.
  • A Direção não faz comentários sobre artigos de opinião e outros trabalhos de autor.
  • A revista reserva-se o direito de publicar ou não os trabalhos recebidos e de sugerir qualquer alteração que se lhe afigure necessária, por razões de paginação. Depois de aprovados para publicação, os originais já não poderão ser substancialmente modificados.

 

 

ADRACES © 2017 - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por: citricweb.pt